[:pb]Planejamento estratégico para ações digitais[:]

[:pb]Planejamento estratégico para ações digitais[:]

[:pb]Quem possui um negócio com atuação no mercado digital, sendo um e-commerce ou não, deve pensar muito bem antes de tomar decisões. É preciso estabelecer um planejamento estratégico para cada plataforma (site, redes sociais, blog, e-commerce). Para desenvolvê-lo, deve-se considerar não apenas a local em que será aplicado, mas enxergar o negócio como um todo.

A falta de um planejamento bem estruturado pode fazer com que uma ação inovadora, com capacidade de se tornar um case de sucesso, resuma-se a poucas interações.

Para executar um planejamento é necessário que se tenha o conhecimento técnico das ferramentas, ter a compreensão de como elas podem ser aplicadas para o negócio em questão. Para isso, é preciso conhecer o seu público e identificar de que forma ele se relaciona com a sua marca.

Como iniciar o planejamento

Para iniciar um planejamento deve-se entender o que o público-alvo espera de você. Estamos em um período em que os consumidores desejam obter mais informações antes de realizar uma compra on-line ou optar por um serviço.

Isso tem feito as empresas mudaram a forma de atrair o público, nutrindo-o com conteúdos relevantes até o momento em que ele identifique a necessidade da aquisição da solução que você comercializa.

Quando o usuário atinge esse nível de decisão, a probabilidade dele optar pelo seu serviço é muito maior, pois, durante essa jornada, foi gerada fidelidade com a sua marca. Essas estratégias, chamadas de inbound marketing têm sido muito poderosas, principalmente para o mercado das startups que não possui tantos recursos e mão de obra e precisam se desenvolver de forma rápida.

Mensuração de resultados

O principal benefício de realizar ações na internet é a capacidade de fazer uma análise de resultados assertiva. Para a mensuração de um site, costuma-se utilizar ferramentas, como o Google Analytics, que permitem analisar: volume de visitas, páginas mais acessadas, quantidade de novos usuários, termos de palavra-chave mais utilizados para realizar uma pesquisa e diversas outras funcionalidades.

Nas redes sociais, as métricas mudam um pouco e, no caso do Facebook, podemos analisar o alcance das publicações, as interações: curtir; comentar, compartilhar ou marcar algum amigo na publicação.

A quantidade de dados que podem ser mensurados é impressionante, porém é importante aplicar corretamente as informações adquiridas.

Aplicação das informações coletadas

Com o relatório de mensuração em mãos, os profissionais costumam aplicar os testes A/B, que tem como objetivo analisar a diferença dos resultados gerados por meio de duas opções de conteúdos. Através deles, é possível identificar qual a linguagem de comunicação mais eficaz para o seu público-alvo.

Não se pode agir apenas com “dados mecânicos”, é preciso considerar o usuário e avaliar o seu hábito de consumo. Se sua marca está presente no mercado offline, é importante que você analise como o seu produto tem sido recebido pelo público e como tem sido utilizado.

Nunca se esqueça que além de um site/blog/fanpage visualmente atrativo, o objetivo final de sua ação deve ser sempre proporcionar a melhor experiência ao cliente.

Fonte: http://www.seomaster.com.br

 

 [:]

Deixe uma resposta

Fechar Menu
Entre em contato!