Como escolher e organizar suas palavras-chave?

Como escolher e organizar suas palavras-chave?

Quando falarmos em estratégias de marketing digital sempre estamos pensando no macro, em ações fenomenais que precisamos fazer para que usuários tornem-se nossos fãs e consequentemente nossos clientes.

Isso faz com que acabemos nos esquecendo de detalhes extremamente importantes, como por exemplo, a escolha correta das palavras-chave.

Não estamos afirmando que você não faça isso em seu negócio, porém será que você dá a devida atenção que essa atividade merece?

Se você pensa em investir pesado em aparecer na busca orgânica do Google ou trabalhar anúncios na plataforma do Google Adwords, saiba que a escolha certa das palavras-chave é o que acelerará a sua velocidade em busca do sucesso.

Como o foco do blog do Mestre do Adwords é transformar você em um expert quando o assunto for estratégias para trabalhar no Adwords, preparamos mais esse conteúdo sensacional que vai te ajudar a entender como escolher e organizar suas palavras-chave dentro da plataforma.

Esperamos que você faça bom proveito de todo o material disponibilizado aqui e use esse blog como um fonte de informação de qualidade, onde juntos poderemos ser referência no segmento do Adwords no mundo!

Importância das palavras-chave nos anúncios Google Adwords

Saiba que chegar até aqui já é um grande passo, pois mostra que você já conseguiu organizar sua campanha, bem como programar as principais configurações necessárias para que tudo saia muito bem, porém chegamos em um ponto delicado que irá demandar muito conhecimento e atenção.

Você já deve saber que são as palavras-chave as responsáveis por mostrar aos usuários seus anúncios, não é mesmo? Isso acontece quando um termo de busca é digitado, pois o buscador gera a identificação automática do conteúdo e passa exibir anúncios relevantes ao assunto.

Com isso, você já consegue imaginar que se as palavras-chave escolhidas estiverem fora da proposta de seu anúncio, eles serão mostrados para um público alvo totalmente fora do seu objetivo e, com isso, você não irá converter.

É por isso que estamos aqui… Nós não queremos que você cometa esse erro e acabe colocando sua campanha a perder por conta de um erro primário.

Entenda que cada grupo de anúncios no Google Adwords terá suas particularidades como:

– As suas principais palavras chaves
– Seu orçamento
– Seu lance
– Detalhes de segmentação por local
– Listas de remarketing.

Nesse conteúdo vamos nos focar apenas nas palavras-chave. Outros pontos já foram ou ainda serão abordados em outros conteúdos específicos nesse blog, fique ligado!

Por onde você vai começar a escolher e organizar suas palavras-chave?

A partir do momento em que você escolhe um grupo de palavras-chave que tenham uma alta procura pelo seu público alvo, você consegue fazer com que seus anúncios sejam exibidos para um público alvo segmentando, o que aumenta as suas chances de conversão.

Quando essa escolha é feita de forma equivocada, a qualidade das impressões ficam à desejar, pois as campanhas acabam sendo exibidas para termos distintos que não têm muita relação com o que você, realmente, precisa.

É por isso que estamos batendo tanto na tecla de que: Se a suas escolhas de palavras-chaves estiverem erradas, você não vai conseguir obter o resultado que tanto deseja, por mais orçamento que você utilize.

Para começar a escolher suas palavras-chave, você contará com um ferramenta do próprio Google Adwords, o planejador de palavras chaves.

Nesse ponto, precisamos fazer um adendo…

Informação Importante

Antigamente, a utilização do planejador de palavras-chave era liberada para todas as contas do Google Adwords, bastava fazer a sua inscrição e você tinha acesso a quantidade exata de buscas por termos, o volume e etc.

Essa ferramenta continua lá, porém para incentivar os anunciantes a investirem na plataforma, a empresa deu uma retraída na forma de exibir o resultado, então se antes você buscava pelo termo “aluguel de carro” e obtinha a informação que o volume de busca eram de 20 mil na média mensal, hoje você vai ser informado que o volume varia de 10 mil a 100 mil, sem precisão na informação.

Para voltar a ter acesso, crie uma campanha e coloque um valor lá, por menor que seja, isso fará com que os resultados mais precisos voltem a ser exibidos.

Retomando o que estávamos falando, você vai precisar escolher suas palavras-chave, então:

– Avalie quais são as principais palavras-chave ou produtos de seu negócio;
– Estude o comportamento do público em relação a essas buscas, ou seja, qual termos desperta maior – ;
– Preste atenção na grafia da palavra-chave, isso pode te ajudar a criar campanhas mais focadas;
– Identifique quais são as palavras-chave que têm grafia parecida ou até mesmo igual, porém tem significados diferentes. Isso lhe ajudará a encontrar as palavras-chave negativas.

Pronto, agora você já sabe por onde começar e já consegue extrair os melhores termos e palavras-chave relacionados ao seu negócio.

Chegou o momento de organizar elas dentro do Adwords.

Vamos?

Escolhendo e organizando suas palavras-chave no Adwords

Não existe grande dificuldade para inserção de palavras-chave dentro da plataforma do Google Adwords, pois já existe um espaço reservado para que elas sejam colocadas. No entanto, existe algumas particularidades que você deve prestar bastante atenção no momento de fazer a sua organização. São eles:

01 – Para começar, você terá que se colocar na cabeça de seu cliente, pensando da forma com que você entende que ele agiria na hora de buscar os seus produtos ou serviços. Sabemos que pode parecer um pouco confuso, porém é bem simples de entender: Relacione quais são as melhores palavras-chave e termos de busca que se relacionam com as categorias principais de seu negócio e disso, extraia os melhores;

02 – O segundo passo é conseguir alinhar a sua meta com as palavras-chave mais adequadas. Por exemplo, se você está começando e tem um orçamento limitado, o melhor a fazer é escolher palavras-chave mais especificas e focada no tema do seu anúncio, pois você estará sendo direto com o usuário. No entanto, se o que você quer é volume e um maior número de pessoas alcançadas, então você deve apostar em termos mais abrangentes. Você só não pode esquecer que independentemente de estar usando termos de busca abrangentes ou palavras-chave específicas, elas sempre precisam estar relacionadas diretamente com o assunto de seu negócio;

03 – Muito se fala de palavras-chaves exatas ou as famosas long tail, não é mesmo? Nós acreditamos que termos de buscas que são formados de 2 ou 3 palavras tenham melhor eficiência com relação às demais;

04 – Sempre agrupe as palavras de forma à manterem a relação entre si, respeitando a estrutura de cada grupo de anúncio. É importante não exagerar na dose, então uma média de 14 termos por grupo é o suficiente para bons resultados;

05 – Atenção especial para as palavras-chave usadas em campanhas da rede de display, pois elas precisam estar ligadas ao seu site, senão você perderá qualidade e pode diminuir o score de sua conta;

06 – E por último, como dito em algum lugar desse conteúdo, o uso de palavras-chave negativas irá lhe ajudar a segmentar melhor e apresentar resultados mais satisfatórios, visto quem, exclui um volume de busca desqualificado em seus anúncios, evitando que cliques inválidos gere desconto em seu orçamento.

Você vai perceber que com o passar do tempo vai conseguindo lidar melhor com esse estudo de palavras-chave e, assim, conseguirá gerar melhores resultados com a escolha de grupos de anúncios mais segmentados.

Só que não tem jeito de descobrir 100% como o seu público alvo se comporta na rede. Para isso, você terá que testar e acompanhar de perto o comportamento de cada campanha, sempre mensurando seus resultados.

Ref: http://mestredoadwords.com.br

 

 

Deixe uma resposta

Fechar Menu
Entre em contato!